sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

O que acontece com seu corpo quando você para de tomar Creatina?


O que acontece com seu corpo quando você para de tomar Creatina?

A creatina é um suplemento nutricional utilizado por muitos atletas, que a utilizam com o objetivo de melhorar o desempenho e desenvolvimento muscular. Enquanto está se suplementando com creatina, os níveis totais plasmáticos da creatina e a quantidade de creatina armazenada nos seus músculos, aumenta. Quando se para de tomar creatina, esses níveis diminuem, o que pode causar alguns efeitos colaterais como fadiga, fraqueza muscular, perda de peso e diminuição da produção natural de creatina.




Fadiga
Quando a suplementação com creatina é encerrada, você pode sentir fadiga. Cerca de 5 por cento da creatina do seu corpo é armazenada no seu cérebro para ajudar no processo de produção de energia envolvida na produção de hormônios e neurotransmissores cerebrais. Quando os níveis de creatina total do corpo são reduzidos depois de parar a suplementação, o seu cérebro pode ter um lapso temporário na produção desses compostos, deixando-o mais cansado.




Fraqueza Muscular
A maior parte da creatina do seu corpo é armazenada nos músculos esqueléticos e utilizada nas vias metabólicas produtoras de energia envolvidas no movimento e na contracção muscular. A creatina aumenta a capacidade dos seus músculos produzirem grandes quantidades de energia de forma rápida, o que pode aumentar a sua força muscular e a intensidade do treino. Quando os níveis de creatina dos seus músculos diminuem, também diminui a sua capacidade de produzir energia, especialmente durante o exercício. Isso pode fazer com que você sinta os seus músculos mais fracos, a sua força muscular e a intensidade do exercício podem diminuir.


Perda de Peso
Com cada molécula de creatina, que é armazenada nos músculos esqueléticos, várias moléculas de água são armazenadas, trata-se de um processo conhecido como hidratação muscular. A hidratação muscular extra, faz com que você sinta os seus músculos mais cheios e densos e também pode fazê-lo ganhar peso. O ganho de peso, proveniente da hidratação muscular, que poderá experimentar enquanto suplementa com creatina é, por vezes erradamente interpretado como sendo ganho de massa muscular. Quando se para a suplementação com creatina, os seus músculos irão deixar de reter essa água extra, fazendo com que perca peso, em alguns casos até 2 a 5 quilos, desde os primeiros dias, até uma semana após o fim da suplementação.




Diminuição da produção natural de Creatina
Um dos possíveis efeitos da suplementação indiscriminada com creatina é a excessiva dependência de fontes externas de creatina. Quando o organismo detecta grandes quantidades de creatina no seu sistema, pode sinalizar a seus órgãos para diminuir ou parar a produção endógena, porque o seu corpo é levado a pensar que está havendo um excesso na produção de creatina.
Com o término da suplementação, o seu corpo pode não ser capaz de recomeçar a síntese de creatina imediatamente. Embora não haja nenhuma evidência que sugira que a suplementação de creatina irá causar danos permanentes para os órgãos que sintetizam a mesma, tem sido observada uma diminuição de curto prazo na produção natural após fim da suplementação.


Referências

  • "Journal of Hyperplasia Research"; Creatine: A Meta-analysis; JD King; 2005
  • "Anabolic Primer"; Phil Embleton and Gerard Thorne; 1998

0 comentários:

Postar um comentário